Blog Ely Morais A notícia como ela é!

Dois ciganos suspeitos na morte de dois policiais em Vitória da Conquista morrem em confronto com a polícia em Itiruçu

Arlan e Dalvan foram mortos em confronto com a polícia (Foto: Reprodução)

Por volta das 8h15, desta quarta-feira (14), guarnições da CIPE Central e da 93ª CIPM/Maracás, realizavam bloqueio na BA-250, perímetro de Itiruçu quando avistaram um dos veículos suspeitos, de envolvimento, na morte dos policiais militares lotados na  92ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) de Vitória da Conquista, 1ª Cl PM Robson Brito de Matos, 30 anos, e o 1º TEN PM Luciano Libarino Neves, 34 anos, no distrito de José Gonçalves de Vitória da Conquista.

Ao tentar abordar o veículo, dois indivíduos ciganos abordos identificados por Dalvan da Silva Matos e Arlan da Silva Matos empreenderam fuga para uma estrada vicinal efetuando disparos contra as guarnições, que reagiram à injusta agressão. Durante o confronto os suspeitos na participação da morte dos policiais acabaram sendo atingidos e socorridos pelos policiais até o Hospital Municipal Pedro Pìmentel Ribeiro da cidade de Itiruçu, que não resistiram aos ferimentos e morreram. O confronto aconteceu na Várzea zona rural do município. Foram apreendidos pelos policiais, 1 Revólver Calibre 38, 1 Revólver Calibre 32, e um veículo Cross Fox, placa JSQ-8H48 que estava em poder dos ciganos.

Segundo informações seis ciganos participaram na morte dos policiais. Outro cigano identificado como Ramon da Silva (Ramonzinho Cigano) morreu em confronto com a polícia no bairro Lagoa das Flores em Vitória da Conquista.

Os ciganos mortos após atirar contra os policiais eram irmãos, um deles tinha 25 anos, natural de Itapetinga, e o outro tinha 27, e era natural de Bom Jesus da Lapa.


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também